Sinergia

O artista cubano Alexander Lobaina expõe suas obras pela primeira vez no Brasil

O Museu Nacional da República apresenta a mostra Sinergia ou a terapia infinita, do artista cubano Alexander Lobaina. A exposição tem início nessa sexta-feira (5) e vai até o dia 4 de setembro. O artista, natural de Holguin, Cuba, tem 48 anos, e apresenta sua obra pela primeira vez no Brasil. A exposição traz 23 obras contemporâneas e pop, em técnicas como óleo sobre tela, óleo sobre papel e óleo sobre papelão.

Alexander Lobaina começou a pintar ainda criança e aos 12 anos de idade entrou na escola de artes plásticas da cidade do Holguin, no Oriente de Cuba. A partir dos anos 90, começou a expor em mostras coletivas e individuais e recebeu vários prêmios, destacando os prêmios de gravura, no Salão Nacional de Artes Plásticas de alunos de Escuela de Arte, na cidade de Havana. Em 1999 recebeu um prêmio da União Nacional de Escritores e Artistas Cubanos – UNEAC, a mais importante entidade cultural de Cuba.

Importantes críticos de arte cubanos como Rufo Caballero, Manoel López Oliva, Rolando Estévez e Ramón Legón, destacam a diversificada e rica criação de Alexander Lobaina, tendo o artista um domínio completo da cor verde, que predomina em seu processo criativo.

Serviço
Local
Museu Nacional da República (Setor Cultural Sul)
Visitação: 5 de agosto a 4 de setembro,  terça a domingo, de 9h às 18h30
Classificação Livre
Entrada franca

FonteMapa da cultura DF, Achabrasília

Brasília,  02 de agosto de 2016