Murmuro Bè Afrik

Museu Nacional apresenta mostra de fotografias da República Centro-Africana

O Museu Nacional da República recebe, a partir de 13 de dezembro, a exposição Murmuro Bè Afrik, da fotógrafa  Marilu Cerqueira. Feitas na  República Centro-Africana, as imagens revelam uma cultura de diferentes etnias e inclui em seu repertório traços da dominação colonial e seus vínculos com a modernidade. 

 
Enfance.

Marilu procurou captar práticas cotidianas, o trabalho, as festas, as feiras, as cidades, as aldeias e os campos de refugiados. Em 2016, durante cinco meses, Marilu Cerqueira viajou em missão de vacinação promovida por agências internacionais, vinculadas às Nações Unidas. Dessa experiência resultaram imagens de grande força documental de um povo que resistiu a situações extremamente adversas – uma guerra de cunho político e religioso entre muçulmanos e cristãos, a fome, as doenças, o desterro dos desalojados. O registo do vigor de gente que não desiste, que continua a se enfeitar, a trabalhar, a rir e a dançar.


Yangba Bolo. Divulgação.

Serviço
Murmuro Bè Afrik – Fotografias de Marilu Cerqueira
Local:  Museu Nacional da República (Esplanada dos Ministérios)
Visitação: até 29 de janeiro de 2017, terça  a domingo, das 9h às 18:30h
Entrada franca
Classificação indicativa: livre

Fonte: site www.achabrasilia.com

Brasília, 7 de dezembro de 2016
Núcleo de Comunicação Social da CAL