Poteiro por inteiro

Museu dos Correios traz pra Brasília o universo poteiriano

No mês de dezembro, o Museu dos Correios  apresenta a exposição Poteiro por inteiro, que segue até fevereiro de 2017. A mostra, que reúne obras inéditas do artista, que este ano completaria 101 anos,  é composta por  cinco esculturas e 30 pinturas, que hoje pertencem ao Instituto Antônio Poteiro, dirigido por Américo, filho do artista.

Com curadoria de Enock Sacramento,  a exposição visa resgatar e levar ao público uma síntese do universo pictórico e escultórico do artista, que era autodidata. Ele nunca teve aulas de pintura e deu os primeiros passos na arte muito jovem, ao lado do pai, um oleiro que veio com o menino de Portugal. Poteiro ganhou esse sobrenome quando ficou conhecido pelos potes de cerâmica que vendia em feiras e na beira da estrada. Seu universo cresceu quando o artista goiano Siron Franco  o levou para dentro do próprio ateliê e o incentivou a pintar.

Para o curador da mostra “a pintura que Antônio Poteiro nos legou é de uma inventividade extraordinária, difícil de encontrar na plástica brasileira. Sobre um fundo chapado, ele geralmente dispõe árvores, flores, animais, figuras humanas, isoladas ou em grupos. Há uma orquestração de azuis, amarelos, vermelhos, verdes e de outras cores que, combinadas, definem o universo pictórico poteiriano. Suas esculturas de cerâmicas são de uma riqueza formal e volumétrica encantadoras. Sua arte agrada a leigos e eruditos”.

Essa trajetória é contada em Poteiro  por inteiro, em cartaz no Museu dos Correios.

Serviço

Exposição Poteiro por Inteiro 
Visitação: até 8 de fevereiro de 2017, terça a sexta, das 10h às 19h; sábados, domingos e feriados, das 12h às 18h
Local: Museu dos Correios (SCS Quadra 4)

Entrada franca
Classificação indicativa: livre

Fonte: sites www.blog.correios.com.brhttp://www.agendaculturalbrasilia.com.brwww.df.divirtasemais.com.br

Brasília, 21 de dezembro de 2016

Núcleo de Comunicação Social da CAL